Foto: Divulgação/Guaraí Notícias - Josênio acusa o físico teórico alemão Albert Einstein, falecido há 65 anos, de ter cometido “erros incontáveis” na elaboração da “Teoria da Relatividade”.

Eletrotécnico de Guaraí registra BO policial contra o físico teórico alemão Albert Einstein

12/12/2020 15:41 - Marcelo Gris

O eletrotécnico Josênio dos Anjos, de 48 anos, residente de Guaraí, registrou no último dia 09/12 um Boletim de Ocorrência (BO) policial um tanto quanto inusitado. Ele acusa o físico teórico alemão Albert Einstein, falecido há 65 anos, de ter cometido “erros incontáveis” na elaboração da “Teoria da Relatividade”.

 

Em março deste ano o Guaraí Notícias mostrou que Josênio, mesmo não possuindo formação em Física, afirma ter realizado um estudo revolucionário, explicando que o universo continua se expandido desde a sua criação há mais de 13,8 bilhões de anos, ao contrário do que Einstein descreveu em sua teoria.

 

Apesar de acusar Einstein de ter cometido um crime, o pesquisador autodidata entende que não é possível esperar que haja qualquer repercussão jurídica relativa ao caso. “Fica em aberto para que algum representante ou defensor de suas equívocas ideias se manifeste em um ato de desagravo”, descreve no BO.

 

É importante destacar que mesmo sendo aparentemente simbólico e possivelmente arquivado por falta de provas, o documento é considerado válido, ou seja, possui caráter jurídico. Josênio garante ter plena convicção de que a teoria de Einstein está errada e espera que haja um reestudo dela algum dia.

 

Resumo da teoria de Josênio:

 

- O éter existe e sua flutuação, em densidade, sendo a real causa da constituição do universo e não o tecido espaço-tempo defendido por Einstein;

- Não basta somente o Éter existir, e é aí que entra o grande diferencial da nova teoria, o movimento. É o fluxo do movimento da expansão do condensado etéreo a causa de todas as forças existentes no universo;

- Não há a dualidade onda/partícula, pois tudo é onda. A partícula é virtual ou mero momento da força existente do acúmulo da força, como a de um redemoinho em um rio, mas neste caso em três dimensões (3D), formando bolhas energéticas existenciais.

- Como a partícula é virtual, logo não há partícula negativa, positiva e neutra na constituição do átomo. Elas são formadas apenas por frações em densidade do condensado etéreo em expansão;

- Não existem diversas energias enigmáticas controlando o mundo quântico ou o universo, só há uma força existente ou a energia que controla o absoluto e dentro do termo concebido pelo meio científico, “capacidade de gerar um trabalho por um movimento”, fruto do movimento da Expansão;

- Partilhando desta ÚNICA fonte de força existente, qualquer fenômeno cosmológico, quântico, químico, físico, mecânico, térmico, óptico, biológico, terá que ser descrito 100% dentro desta fonte/força ou esta Teoria deixará de ser publicada.

 

Vídeo comentando a teoria:

 

 

Cópia do BO registrado:

 

Obs.: A Polícia Civil do Tocantins confirmou a veracidade do documento, mas disse que, “por falta de justa causa”, o BO será arquivado.

 

Pesquisas feitas por Josênio:

 

Teoria da “Energia Expansionista”

 

O novo modelo do átomo

 

Artigo sobre “Energia Expansionista”

CLIQUE AQUI para ler o documento

 

Mapa da “Energia Expansionista”

CLIQUE AQUI para conferir

Deixe seu comentário:

Notícias Relacionadas