Presente nas grandes operações da Polícia Civil, fotógrafo de Guaraí morre em Palmas aos 41 anos

14/06/2021 11:01 - Marcelo Gris

Faleceu em Palmas na tarde deste domingo (13/06), o repórter cinematográfico Dennis Tavares, de 41 anos. Ele era natural de Guaraí e trabalhava na Secretaria Estadual de Segurança Pública do Tocantins (SSP/TO) há mais de 20 anos, onde seu olhar atento ajudou a registrar grandes operações da Polícia Civil.

 

Segundo informações apuradas, Dennis estava em uma chácara na zona rural de Palmas, acompanhado de amigos, local onde acabou sofrendo uma parada cardíaca, logo depois de ter sido ferroado na cabeça por um marimbondo. Acredita-se que ele tenha sofrido algum tipo reação alérgica a picada do inseto.

 

Por meio de nota, a Secretaria Estadual da Comunicação do Tocantins (SECOM/TO) lamentou o falecimento prematuro do guaraiense, que ao longo de sua vida sempre se dedicou à arte de comunicar com responsabilidade e ética, tanto pela SSP/TO, assim como pelos veículos de imprensa que prestou serviço.

 

Muito querido na Polícia Civil, Dennis também se destacava por seu bom humor e alto astral. Sua partida de forma tão inesperada deixa a todos perplexos. Neste momento, rogamos a Deus para que seus familiares e amigos encontrem força na fé do Criador, suporte mais do que essencial neste momento de luto e tristeza.

Confira as imagens:

Deixe seu comentário: